Uma carta de apresentação bem feita pode ser o diferencial que você precisava para chamar a atenção dos recrutadores e conquistar uma nova oportunidade no mercado de trabalho. Mesmo nas seleções atuais, em que parte do processo pode ser realizado digitalmente, esse recurso ainda é comum. Ele é muito utilizado quando um candidato encaminha o seu currículo via e-mail e a carta de apresentação torna-se o corpo da mensagem, cujo objetivo é descrever brevemente por que você seria uma ótima escolha para a vaga que está sendo oferecida. Neste post, você confere dicas para organizar a sua carta. Acompanhe.

Atenção à primeira linha

O primeiro trecho da sua carta de apresentação é o mais importante! Portanto, use-o para se destacar e mencione o seu principal diferencial em relação aos demais candidatos. Nesse caso, é interessante abordar o seu nível de profissionalização, quantos anos atua na área e até mesmo habilidades que são bem vistas no mercado de trabalho, como o domínio de uma língua estrangeira, por exemplo. 

Mencione as suas experiências profissionais 

Após se apresentar, lembre-se de mencionar de maneira breve a sua trajetória profissional. É significativo destacar qual foi a sua última experiência, citando o cargo ocupado e a organização em que você trabalhou. Outras oportunidades relevantes ao longo da sua carreira também podem ser mencionadas, mas seja objetivo. Também é interessante ressaltar de maneira breve quais foram os resultados alcançados no passado, já que essa informação dará ao recrutador evidências do seu bom desempenho profissional.

Destaque os pontos fortes

Ao escrever a sua carta de apresentação, leia o seu currículo e relembre quais são os seus pontos fortes! O ideal é aproveitar a oportunidade para destacá-los e instigar o recrutador a ler as suas competências completas com atenção. Outra sugestão é aproveitar o momento para mencionar pontos da sua expertise que coincidem com os pré-requisitos da vaga almejada. Dessa maneira, o recrutador perceberá que você é um candidato que se encaixa no perfil que está sendo buscado. 

Outras dicas importantes

Caso esteja enviando o seu currículo por e-mail, coloque o nome da vaga do seu interesse no campo de assunto da mensagem. Se você não conhecer o recrutador ou o profissional que lerá a carta de apresentação, é válido endereçá-la apenas a “prezado recrutador”. De maneira geral, o texto é uma pequena introdução sobre quem você é e quais são os seus diferenciais, e deve demonstrar ao recrutador por que você deve ser convocado para uma entrevista. Portanto, o documento precisa ser direto e sucinto. Escreva cerca de três ou quatro parágrafos.

Ao final, não se esqueça de mencionar que você está disponível para realizar um entrevista. Também é importante indicar que o seu currículo está anexo e deixar visíveis os seus contatos, como e-mail e telefone. Antes de enviá-la, revise o texto para se certificar de que não há erros gramaticais. Uma dica é pedir que um amigo ou familiar também leia a sua carta de apresentação para garantir que não há qualquer equívoco que você possa não ter percebido.

O cuidado ao preparar a sua carta de apresentação pode ajudar você a se destacar entre os demais candidatos! Assim, o recrutador lerá o seu currículo e irá chamá-lo para uma entrevista. Portanto, seja sucinto e valorize os seus pontos positivos no texto. Se você está buscando dicas para crescer ainda mais no mercado de trabalho, aproveite a visita ao nosso blog e leia também: 

5 atitudes negativas para sua carreira

Qual a importância de ter trabalho voluntário no currículo?

Venha para a Prepara!

Quer garantir um futuro ainda mais brilhante? Conheça os cursos profissionalizantes da Prepara e esteja pronto para o mercado de trabalho!