Um vídeo no YouTube reserva alguns bons minutos de entretenimento para o espectador. Porém, por trás de toda a diversão, há um trabalho intenso, que exige dedicação dos produtores em um processo que envolve funções como:

Pesquisar sobre o tema

Independentemente do formato do canal - vlog ou gameplay, por exemplo - ou do tema proposto - como música, futebol ou cinema - é preciso pesquisar antes de gravar um vídeo. Alguns assuntos, principalmente quando você conta histórias ou discute questões delicadas, pedem um estudo bem mais profundo que pode levar um bom tempo.

Escrever o roteiro

Ao menos que essa seja a proposta do canal, o youtuber não chega, liga a câmera e começa a falar. É necessário escrever um roteiro anteriormente, onde você coloca suas falas ou pelo menos a sequência de ideias. Sempre há espaço para a improvisação na hora de gravar, porém, você realmente precisa ter um guia.

Preparar o cenário

Pode ser desde um cantinho no quarto até um estúdio próprio; tudo depende do orçamento do canal! Antes de cada vídeo, é necessário preparar o cenário, principalmente se você apresenta diferentes quadros e formatos.

Gravar

Um vídeo de 15 minutos leva bem mais do que isso para ser gravado! Você pode contar com a ajuda de alguém para operar a câmera ou o áudio, ou fazer tudo sozinho, o que é bem mais trabalhoso. É preciso estar concentrado e pronto para resolver problemas, visto que são muitos os impasses que podem ocorrer durante uma gravação.

Editar

Alguns vídeos pedem uma edição mais trabalhosa, com trilha própria, animação ou computação gráfica. Outros já são mais simples, cortando-se apenas as partes desnecessárias e realizando a montagem. É preciso dominar os softwares, como o Adobe Première e o After Effects. Além disso, é fundamental conhecer a linguagem do YouTube, editando os vídeos de uma maneira que agrade o público.

Postar no YouTube

Postar um vídeo não significa somente logar no site e fazer o upload do conteúdo. Há uma série de estratégias para conseguir um melhor desempenho na plataforma, como a escolha do título, da imagem de capa e até mesmo do horário da postagem.

Acompanhar os resultados do vídeo

É essencial que você acompanhe o número de visualizações e a quantidade de likes e dislikes, e que leia os principais comentários. Essa é uma boa maneira de entender do que seu público gosta e alterar o conteúdo para os próximos vídeos.

O youtuber pode participar de alguns ou até de todos os processos explicados acima. As suas funções dependem muito do orçamento do canal e do próprio estilo do produtor. Há quem goste de acompanhar desde a pesquisa até a edição; outros apenas chegam e gravam.

Outras funções importantes

O trabalho de um youtuber não está apenas relacionado à gravação dos vídeos. A partir do momento em você conquista uma grande audiência, torna-se uma figura pública. Isso traz uma série de funções e responsabilidades, como:

Estar presente em outras redes sociais

O youtuber precisa criar um relacionamento com o público, para isso, as redes sociais são essenciais. O profissional pode ser bem atuante no Facebook, no Twitter ou no Instagram, registrando momentos da sua vida, compartilhando experiências com os fãs ou divulgando seu conteúdo.

Manter a postura

Como figura pública, o youtuber precisa entender que suas ações e declarações impactam na vida de outras pessoas. Assim, é preciso tomar cuidado com tudo aquilo que torna público, evitando polêmicas e atos irresponsáveis.

Administrar a vida pública

Quando se tem uma grande audiência, é comum que as pessoas te parem na rua, peçam fotos e queiram saber mais sobre sua vida. Nas redes sociais pode haver uma chuva de comentários; uns bons, outros nem tão carinhosos assim. É preciso aprender a administrar tudo isso e entender que a sua vida privada terá momentos de congruência com o lado profissional.

Representar marcas

Após conquistar um público vasto, muitos youtubers passam a representar marcas e fazer publicidade. Por mais que pareça simples, esse é um trabalho cuidadoso, visto que você precisa alinhar o seu discurso ao da empresa. Além disso, é comum que você participe de eventos e gravações para divulgar os produtos e serviços de quem te patrocina.

Como o youtuber ganha dinheiro?

As fontes de renda são diversas - bem como o rendimento de cada uma delas - e variam de acordo com métricas, como quantidade de inscritos, e até mesmo em relação ao foco do canal. Porém, é possível listar alguns fatores que trazem dinheiro, como:

Adsense

Quando você posta um vídeo monetizado e não passa por nenhum problema de restrição, como violação de direitos autorais ou divulgação de conteúdo impróprio, o YouTube te paga um valor relativo aos anúncios vinculados ao vídeo. O valor depende tanto do número de visualizações quanto de outros parâmetros, como quantidade de cliques no link da publicidade.

Patrocínio

O youtuber pode ser contratado por marcas e receber para fazer publicidade das formas mais diversas, como comerciais de TV, vídeos patrocinados e postagens nas redes sociais. Não são apenas os nomes com milhões de inscritos que ganham patrocínio. Se você for influente no seu nicho e tiver alguns milhares de seguidores fiéis - que consomem tudo o que indica no seu canal -, é possível conquistar boas parcerias com empresas que desejam atingir o público que você tem.

YouTube como impulsionamento

O YouTube pode ser um meio para se tornar conhecido e influente, recebendo convites para trabalhar em outros projetos na TV, no rádio ou no cinema! Tudo depende dos objetivos profissionais do youtuber, que precisa saber para onde quer levar seu conteúdo.

Como iniciar a carreira de youtuber?

Em primeiro lugar, defina o formato do seu canal: vlogs, gameplays ou esquetes de humor, por exemplo. Saiba também os principais temas que serão tratados, como cinema, música, cultura pop ou esportes. Com isso em mente, você já pode pensar na criação da sua identidade visual. Para te ajudar no processo de produção dos vídeos, alguns pontos são importantes, como:

Estude

Aprenda um pouco mais sobre produção audiovisual, estudando sobre as principais técnicas de roteiro, fotografia, captação de áudio e edição de imagens. Além disso, aprofunde-se também nos estudos do próprio funcionamento do YouTube.

Acompanhe os profissionais

Veja o que outras pessoas estão fazendo no YouTube Brasil e no mundo, acompanhando as principais tendências e entendendo os estilos seguidos.

Faça um curso

Se você quer aprender os principais assuntos que te ajudarão a se tornar um youtuber, pode fazer um curso na área! O material te oferece um estudo completo sobre produção audiovisual e sobre o próprio YouTube! Acesse o link abaixo e conheça:

Curso de youtuber